Assinatura RSS

Arquivo da tag: nominata renovação médica

Conheça nossos integrantes: Sami El Jundi

Publicado em

Sami A. R. J. El Jundi (CRM/RS 23935) é médico, especialista em Clínica Médica com mestrado em Medicina Forense pela Universitat de Valencia e pós-graduação em Tratamento da Dor e Medicina Paliativa. Atua como professor da Faculdade de Direito da UFRGS, das pós-graduações em Toxicologia Forense da FEEVALE (RS) e Perícia Forense da FAG (PR), do Master en Medicina Forense da Universitat de Valencia (Espanha), além de ser o criador e coordenador do curso de especialização em Direito Médico da Escola Superior Verbo Jurídico (RS). Foi diretor do SIMERS e diretor da FENAM, tendo sido um dos responsáveis pela propositura e redação da PEC da Carreira de Estado para Médicos. Dedica-se à assistência técnica na defesa de médicos acusados por “erro médico”, nos âmbitos administrativo, cível e criminal. Afastou-se do sindicato em 2012 por não concordar com decisões arbitrárias do atual presidente.

Conheça nossos integrantes: Luiz Alberto Grossi

Publicado em

Luiz Alberto Grossi (CRM/RS 8232) é médico formado na UFPEL, cirurgião geral e emergencista. Pertecente ao corpo clinico do Hospital Moinhos de Vento, Hospital Mãe de Deus, Hospital Ernesto Dornelles e Hospital Divina Providência. Foi preceptor da residência de Cirurgia do Hospital Petropólis. Socorrista da Unimed. Ex secretário-geral do SIMERS de diretorias anteriores, com marcada atuação no interior do Estado. Afastou-se  por não concordar com decisões arbitrárias do então, atual, presidente. Foi também presidente da Federação Médica Sul Brasileira de 2004 a 2005.

Conheça nossos integrantes: Marcos Rovinski

Publicado em

Marcos Rovinski (CRM/RS 7380) é médico formado pela UFRGS. Residência em Medicina Interna no Hospital Nossa Senhora da Conceição. Residência em Endocrinologia na Santa Casa de Misericórdia (Faculdade Católica de Medicina). Curso de Medicina do Trabalho pela Fundacentro. Médico atuante no Hospital Ernesto Dornelles e Hospital Mãe de Deus. Perito Médico-Legista do Departamento Médico-Legal de Porto Alegre. Diretor do Departamento Médico-Legal do Rio Grande do Sul períodos 1997-1998, 2003-2006, 2011-2012. Atuou como professor de Medicina Legal da Faculdade de Medicina da ULBRA. Mestre em Saúde Coletiva pela ULBRA em 2005.

Diga não ao continuísmo. Vote Chapa 2!

Renovação Médica – Por representação digna, transparência e ética no Simers

Integrante da Chapa Renovação Médica esteve à frente da PEC de Carreira de Estado

Publicado em
Reprodução da revista Vox Medica n.º 50, de março de 2010

Reprodução da revista Vox Medica n.º 50, de março de 2010, pág. 24

O Projeto de Carreira Médica apontado pela chapa situacionista como solução definitiva para que os profissionais de Medicina se estabeleçam nos pequenos municípios gaúchos, na verdade tem como base a Proposta de Emenda Constitucional de Carreira de Estado (PEC 454/09), produto do trabalho de um dos integrantes da Chapa Renovação Médica, o colega Sami El Jundi. Enquanto atuou como diretor do Simers, ele teve papel fundamental em várias importantes frentes políticas, mas uma das mais significativas foi em Brasília, como articulador do Escritório Parlamentar do Sindicato na Capital Federal. Neste período, Sami teve a iniciativa de retomar o embrião do projeto (bandeira antiga do movimento médico), negociá-lo com a bancada do DEM, e redigi-lo, em parceria com o deputado Ronaldo Caiado (DEM/GO).

 Veja trecho da Revista Vox Medica, nº 50, de março de 2010 (pág. 25)

VoxMedica50-25-detalhe

O objetivo do escritório que tinha Sami à frente (estranhamente fechado por Argollo, apesar dos ótimos resultados alcançados, e que será reativado em breve por nossa chapa — leia abaixo as propostas de Política Sindical) era exercer influência sobre deputados federais e senadores para que eles acolhessem propostas de interesse da categoria, fazendo-as tramitar com maior rapidez.

Para se obter resultados na área médica são necessários esforço e conhecimento. Quem não exerce mais a Medicina, está longe da realidade profissional e fica sentado numa sala refrigerada o dia inteiro, jamais conseguirá desatar os nós que emperram as soluções dos problemas da categoria médica. Quatorze anos sem nenhuma grande vitória comprovam isso. Os médicos gaúchos não querem apenas serviços. Seu sindicato precisa ser muito mais do que um simples despachante. A Chapa Renovação Médica mudará esta realidade.

Reprodução da revista Vox Medica, n.º 50, de março de 2010, pág. 25

Reprodução da revista Vox Medica, n.º 50, de março de 2010, pág. 25

Nossas propostas

Política sindical qualificada e efetiva:

– Maior presença em negociações e menos gastos com apedidos e marketing inútil, a serviço apenas do culto à personalidade.

– Política sindical moderna e efetiva se faz com competência e elegância, sem agressões desnecessárias a autoridades.

– Treinamento e qualificação de negociadores, com vistas aos dissídios e acordos coletivos da categoria.

– Treinamento e qualificação dos diretores em temas sindicais, políticos, legislativos e jurídicos de interesse dos médicos.

– Atuação também na saúde suplementar, onde a ANS e os contratos com as operadoras de planos de saúde têm sido lesivos aos interesses dos médicos.

Reativação do escritório parlamentar do SIMERS, do qual saiu, entre outras propostas, a PEC da Carreira de Estado para Médicos. Questões relevantes para os médicos são decididas nos parlamentos estadual e federal e não podem ser tratadas de maneira pontual e amadora.

– Prioridade na inclusão de cláusulas em contratos de trabalho e acordos coletivos que considerem as especiais condições das mulheres na Medicina.

Diga não ao continuísmo. Vote Chapa 2!

Renovação Médica – Por representação digna, transparência e ética no Simers

Diga não ao golpe: divulgue o Informativo Renovação Médica

Publicado em

Informativo-Montado

Já está circulando em diversos hospitais do Estado o primeiro material de divulgação impresso da Chapa 2 — Renovação Médica. Se você é simpatizante de nossa causa e quer dar um fim ao continuísmo, à concentração de poder, aos desmandos, a má utilização de recursos financeiros dos associados, à falta de resultados significativos e verdadeiros, ao marketing desmedido e falacioso,  ajude a divulgar nosso informativo. Remeta-o por e-mail aos seus amigos, compartilhe-o nas redes sociais, imprima-o e mostre aos seus colegas de trabalho. Caso queira receber exemplares impressos solicite pelo e-mail contato@renovacaomedica.com.br que remeteremos. Vamos, juntos, fazer um Simers de todos, com ideias arejadas, democrático e resolutivo.

Clique aqui para fazer o download do  Informativo Chapa Renovação Médica n.º 1

Diga não ao golpe. Vote Chapa 2!

Renovação Médica – Por representação digna, transparência e ética no Simers

A isenção da ética

Publicado em

Pode o presidente de um Conselho Regional de Medicina integrar a chapa que concorre à eleição de um sindicato médico? A chapa Renovação Médica acredita que não. Temos o posicionamento  de que o órgão regulador de nossa categoria não deve participar em instância alguma de entidades médicas, até mesmo as associações médico-hospitalares. Aqueles que dirigem o Conselho necessitam de total isenção, e devem evitar posicionar-se por facções, chapas ou grupos, pois afinal representam todos os médicos do Estado. Como um Conselho ficaria perante os seus pares no caso de denúncias e investigações de quebra de decoro, atitudes antiéticas ou improbidade administrativa cometidas por integrantes de um sindicato médico, quando um de seus próprios dirigentes faz parte da nominata que está à frente da entidade sindical? Estaríamos diante de um claro conflito ético. Leia abaixo parte do texto (extraído do site do Cremers) que define as atribuições e o papel ético da autarquia.

“Assim, o Cremers é uma autarquia federal de direito público, não havendo previsão legal para a incorporação ou fusão com entidades de direito privado, tais como sindicatos e associações. Cabe ao Cremers defender a eticidade na medicina. É obrigação legal do Cremers proceder sindicância toda vez que houver denúncia formal contra médicos. Aplicar o Código de Ética Médica aos médicos com atitudes antiéticas é um poder-dever da Instituição. Toda a tentativa de não cumprir com esse dispositivo pode configurar crime de prevaricação, pois os conselheiros estão equiparados, perante a lei, a agentes públicos.

O Cremers, por ser uma instituição pública, só pode fazer estritamente o que a lei determina, enquanto as entidades privadas, como sindicatos e associações, podem fazer tudo o que a lei não proíbe.”

Esclarecendo aos que nos apoiam: a chapa Renovação Médica optou por não convidar nenhum integrante da diretoria do Cremers para compor sua nominata.

Nominata — Renovação Médica

Publicado em

Temos a satisfação e o orgulho de apresentar a nominata da chapa Renovação Médica, inscrita às eleições sindicais para a Diretoria, Conselho Fiscal e Conselho Consultivo do SIMERS — Sindicato Médico do Rio Grande do Sul, gestão 2013-2015. Para ter acesso a lista contendo o CRM e a cidade de cada representante, clique aqui.

DIRETORIA-GERAL
Nome
  Luiz Alberto Grossi
 Sami A. R. J. El Jundi
 Marcos Rovinski
 Antonio Carlos Luzzi Fortis
 Carlos Vieira de Castro
 Cláudio Vinícius Bublitz
 Eduardo Gehling Bertoldi
 Fabiano Marcio Nagel
 Fábio Fernandes Dantas Filho
 Geraldo Ayala Pereira
 Jairo Nathan Trombka
 José Pio Rodrigues Furtado
 Julio Henrique G. Ferreira
 Luiz Ari Zanette Anicet
 Luiz Felipe L. Araújo
 Nara Horta Barbosa
 Natan Katz
 Moisés Eli Magrisso
 Ricardo C. Casagrande Pacheco
 Robert Schmulerg
 Rochele de Amorim Gonçalves
 Rosa Maria de M. P. R. Machado
 Sérgio Roberto Lomando
CONSELHO FISCAL
 Betuza Kramer de Oliveira
 Deise Uebel
 Irio Ferreira Bicca
 José Carlos Corá
 Marcelo Denes Lucho
CONSELHO CONSULTIVO
 Adalberto Câmara Botelho
 Airton Galarça da Silva
 Alan Castoldi Medeiros
 Alfeu René Wedi Couto
 Amadeu Lourival B. Silveira Lima
 André Luiz Horta Barbosa
 Carlos Augusto Adamy
 Carlos Dionisio M. da Silva
 Carlos Roberto Felix
 Cezar Luiz Assoni
 Cezar Luiz Guindani
 Clarissa Oliveira de Oliveira
 Clewer Jacoby Schuler
 Clovis Roberto Nedel
 Eduardo Correa Costa
 Eduardo Dipp de Barros
 Elizabeth Heydrich Dornelles
 Elizeu Batista Garcia
 Érico Adalberto Linden
 Fernando Cafrune
 Florentino Vianna Dutra
 Guilherme Brauner Barcellos
 Guilherme L. de Oliveira Bicca
 Hamilton Piazer Jardim
 Helena Ritter de Abreu
 Igor Gorski Benedetto
 João Carlos da Silveira
 José Nowicki Mustafa
 José Cesar Boeira
 Juliano Gueno Petter
 Lauro Erny Borth
 Leonardo Viott
 Luiz Fernando C. Carvalho
 Mario Mansur Filho
 Nelson Lindner Dutra
 Nilo Antonio Santos de Souza
 Nilton Weide
 Orfelino Guimarães da Silveira
 Paulo da Cruz Barragan
 Paulo Roberto da Luz Dias
 Percy Roberto Schreck
 Renan Roque Onzi
 Roberto Azevedo
 Rogério Gottert Cardoso
 Rogério Miguel D. G. Zingano
 Romulo Ângelo de S. Panatieri
 Ricardo Pittas da Silva
 Rubilar Martins de Souza
 Thiago Lisboa

%d blogueiros gostam disto: